sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

sábado, 19 de dezembro de 2009

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Show em Gien II

Ana Malhoa apesar do profissionalismo que tem, sabe ter humor e animar o publico, é uma pessoa versàtil.

Show em Gien I

Ana Malhoa realizou um concerto na comunidade francesa em Gien, no passado sábado.
Assista a performance de "Vem dançar(junto de mim)".
Em 1:15 de quem a Ana estará a imitar? Lady Gaga? Eis a questão.
Em 1:31 e 1:43 o rei da pop, Michael Jackson!
Já agora e em 1:55?

sábado, 14 de novembro de 2009

In Tv 7 Dias - Últimas

UMA BOMBA

Ana Malhoa continua imparável.
A cantora está a divulgar o segundo single do àlbum Sexy, intitulado Tu podes vencer, e aproveitou a oportunidade para apresentar aos leitores da TV 7 Dias, o novo visual.
Ana Malhoa garantiu que não lhe faltam projectos para 2010.
"Com este novo single vem também a apresentação da minha nova banda, que me vai acompanhar nesta Pop City Music Live Tour, com um grande conceito de produção de espectáculo, a partir do início do próximo ano".
Em relação ao visual, os fãs pediram que eu voltasse à minha imagem de marca: cabelo curto e preto. Quanto à roupa, fui eu que a idealizei e criei!"
, disse, orgulhosa, à nossa revista.


In TV 7 Dias


In tvmais - Em foco


ANA MALHOA regressou ao visual antigo

A PEDIDO DOS FÃS

Além de um novo look, a cantora mudou também o vestuário: usa roupas que ela própria criou.

Ana Malhoa continua a surpreender com a sua irreverência e originalidade.
Devido à insistência dos seus admiradores, voltou ao seu visual antigo. "
Os fãs pediram que voltasse à minha imagem de marca: cabelo curto e preto.
E em relação à roupa que estou a usar fui eu que a idealizei e criei!" disse a cantora à tvmais.
O segundo single, " Tu podes vencer" do álbum "Sexy", tem uma mensagem especial para os fãs.
"Que tenham esperança e capacidade para conseguirem alcançar os seus objectivos", revelou a filha de José Malhoa.


In tvmais
Texto: Rita Santos
Fotos: Mário Príncipe/Divulgação

Entrevista na Praça da Alegria



Praça da Alegria - "Borboletas"

Praça da Alegria - "Tu podes vencer"

domingo, 8 de novembro de 2009

sábado, 7 de novembro de 2009

Tu podes vencer


Olha para ti
e pensa que tu és capaz
de ser alguém que nunca desiste

Tens dentro de ti
a energia que te faz
ir mais além do que pensavas

Leva até ao fim
o sonho que a vida te deu
aposta tudo em ti
faz como eu

Tu vais ver
que um dia há-des vencer
tu vais ver
quando o teu dia chegar

Tu vais ver
o teu sonho a crescer
tu vais ver
o teu mundo a mudar

Olha pra ti
não dês ouvidos a ninguém
não tens que ser como toda a gente

Tu vais conseguir
usar a força que tu tens
para vencer e pra ser diferente

Novo visual!!!


segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Exôtica + Sexy = Ana Malhoa

Afinal o que diziam por aí era verdade! Ana cortou o cabelo!
Está outra vez exôtica e ao mesmo tempo sexy!!!
Linda como sempre!
Clica o video e veja o seu novo look.
Não parece com a Rihanna?

Como é bom recordar..

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Gama Alta





In Correio de TV (Julho 2008)




É verdade que quer voltar à televisão?

Claro que sim, embora voltar à televisão não seja a minha prioridade. Em primeiro lugar está a música. A paixão por fazer televisão apareceu mais tarde, mas continua a ser algo que gosto muito de fazer. Há bem pouco tempo tive uma experiência muito interessante, ao apresentar o ‘Curto Circuito’, na SIC Radical. Diverti-me imenso e o feedback dos telespectadores foi surpreendente. Fiquei muito entusiasmada com o resultado. A equipa de produção também foi fantástica e deixou-me muito à-vontade.

O que gostaria de fazer?

Já tive muitos convites. Uns não tinham nada a ver comigo, outros chegaram quase a acontecer mas nunca seguiram para a frente por falta de verbas dos canais. Mas gostava imenso de fazer um programa jovem, em que se discutissem temas actuais e que tivesse muita música à mistura. Quem sabe se não está para breve?...Isso significa que está a trabalhar nesse projecto? Mesmo não sendo uma prioridade, não quer dizer que não esteja a trabalhar no meu regresso à TV.

Em que canal se sentiria bem e com qual é que tem havido uma maior aproximação?

Como cantora sempre fui bem recebida em todos os canais. Existe um grande respeito mútuo sempre que visito uma estação de televisão, para promover a minha música e os meus espectáculos. Como apresentadora, não tenho razão para não vestir a camisola do canal para o qual possa estar a trabalhar. Sou sempre muito profissional.

Gostava de apresentar o ‘Curto Circuito’?

A experiência foi fantástica. Adoro o programa, mas acho que está muito bem entregue. São todos óptimos profissionais. Mas como se gerou uma química muito boa, voltarei em breve para matarmos saudades uns dos outros.Se regressar à TV com um novo programa para crianças, a Luciana Abreu será uma concorrente de peso.Não me preocupa o trabalho dos outros. Dou muita importância e valor a tudo aquilo que eu faço. Apenas penso em dar o melhor ao meu público.

Gostava de apresentar um programa com ela?

E por que não ela apresentar um programa comigo?

O seu nome sempre foi dos mais procurado na internet. Contudo, no primeiro trimestre de 2008, a Luciana Abreu passou-lhe à frente. Acha que ela é parecida consigo?

Fiquei em primeiro lugar em 2006 e 2007. Segundo o último estudo estou em quinto na tabela dos artistas mais procurados. Só tenho a agradecer aos meus fãs por continuarem neste terceiro ano consecutivo com muito interesse no meu trabalho. Se alguém disser que ela [Luciana Abreu] tem semelhanças comigo então é um plágio! (risos). Não me considero igual a ninguém. Gosto de ser original e genuína.

Quem considera o melhor apresentador de televisão actualmente?

Temos óptimos profissionais, sejam aqueles que já são considerados ‘dinossauros’ da televisão (com carinho, ok?), sejam aquelas caras novas que estão a aparecer e a mostrar que a TV em Portugal está actualizada e a evoluir.E o melhor programa qual é? Ainda está para vir!Sente falta do mundo televisivo?Não me sinto afastada da televisão visto que vou com alguma frequência a programas, seja para promover o meu novo CD, ou como convidada. Talvez por isso não possa dizer que sinto saudades. Apenas não estou com um programa meu.

Olhando para trás, do que sente mais saudades?

Não sinto saudades de nada. Sinto muito orgulho por ter marcado uma geração com um programa infantil que, até hoje, continua a ser falado. Por isso, só posso sentir muito orgulho pelo êxito que alcancei juntamente com uma equipa fantástica e, principalmente, com o apoio incondicional de todas as crianças portuguesas. Continuo a dizer que foi o programa com mais êxito até hoje. As audiências assim o indicam.

O que lhe dizem as pessoas quando a abordam na rua? Ainda falam do ‘Buereré’?

As pessoas que me abordam são fantásticas e têm saudades de ver um programa conduzido por mim. Não sou eu que o digo, são elas. E ainda falam imenso do ‘Buereré’, principalmente aqueles que têm a minha idade e outros mais novos. E consegui ter ainda mais certeza dessa saudade pela audiência que o ‘Curto Circuito’ teve quando lá estive, segundo os dados fornecidos pela produção.

Mudando de assunto, pensa fazer mais alguma tatuagem?Sim.Onde?
Algures...

Quantas é que já tem?

Deixei de contá-las. Faço as tatuagens com sentimento e não a ‘metro’.

Como nasceu essa paixão por tatuar o corpo?

Fiz a minha primeira tatuagem aos 14 anos. Foi uma paixão que nasceu muito cedo, nada tem que ver com o estar na moda. É uma maneira de estar na vida, é algo que considero uma arte e que gosto de ter pelo seu grande significado.

Diz que marcou uma geração. Isso não poderá levar a que os mais novos sintam vontade de fazer tatuagens iguais às suas?

Tenho a noção de que sou uma referência para muitos jovens e não só. Mas mesmo os mais novos que assistiam ao ‘Buereré’ já tem pelo menos mais 10 anos, o que quer dizer que já não são crianças. Certamente já sabem o que querem fazer. Por ter apresentado um programa infantil, não poderia ter mudado de imagem? É óbvio que sim, caso contrário não teria evoluído e acompanhado a minha geração. Sou jovem e não quero ter uma imagem mais velha. Além disso, as tatuagens não são sinónimo de hipocrisia, cinismo ou inveja.




In Correio de TV (Julho 2008)

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Ana Malhoa em Marco de Canaveses

Concerto da Ana Malhoa em Marco de Canaveses – 1 de Agosto de 2009


Ana Malhoa ao vivo Marco Canaveses
by Kat_93

sábado, 3 de outubro de 2009

Peace and love!


No ano de 2006, Ana esteve presente no programa da Sic "Contacto" apresentar a sua música "Triumph without weapons" e o seu videoclip.
Clica e vê o video.

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Recordações de melancolia...

Depois de Ana Malhoa se despedir do Buéréré hà precisamente 11 anos.
Ana esteve em Portimão a preparar uma grande surpresa para os seus fãs.
Voltou a todo o gás com a estreia absoluta da música "Onde estão", num programa da TVI.
Clica e vê o video da melhor perfomance considerada por alguns fãs

sábado, 26 de setembro de 2009

24 horas - Ana Malhoa e Rita Ferro Rodrigues

Cantora dissipa todas as dúvidas em entrevista intimista


Ana Malhoa é um ícone sexual e essa é a primeira coisa que nos vem à cabeça quando pensamos nela. Profissional, apresenta-se sempre publicamente com uma imagem estudada, cuidada, arrejada em que a sensualidade é claramente, um objectivo. Mas.. e como é a Ana por trás da maquilhaquem e dos fatos colantes e brilhantes? Como é a Ana mãe, a Ana filha...a Ana dona de casa? Essa Ana existe? Descubra comigo


Ana, és lindíssima sem maquilhagem, ao natural. Lindíssima! Adorava ver uma produção tua sem maquilhagem, descalça, T-shirt branca e jeans. Eras capaz?

(gargalhada)...Lá estás tu a dizer que sou lindíssima sem maquilhagem..uma pessoa como tu, habituada a ver-me com e sem maquilhagem a fazer-me esse elogio...fico lisonjeada. Acho que seria extremamente honesto também para o meu público ter essa oportunidade. Talvez um dia a "Vogue" se dispa de preconceitos e me dê a oportunidade..(risos)

A maquilhagem forte, os fatos colantes e brilhantes, as botas compensadas...são um refúgio, são parte de uma personagem ou tu és mesmo assim?

Acho engraçado o facto de tudo o que faço ser um bicho de sete cabeças para algumas pessoas...Existem exemplos internacionais de artistas femininos e masculinos que têm o seu visual para o palco, para aquilo que imaginam fazer enquanto artistas..e porque é que eu não o posso fazer? Por ser portuguesa? Por ser popular? Por ser "Malhoa"? Pois, enquanto artista faço o que gosto de fazer, visto o que acho que tenho de vestir, maquilho-me, danço e canto sem me trair a mim própria. Não gosto de ser mais nem menos que outros, apenas gosto de ser diferente!

Representas uma mulher forte que sabe o que quer e que não teme a sua sexualidade. Isto correspondes aquilo que ès?

Sim. Considero-me uma mulher forte, sem preconceitos e tabus, não temo a sexualidade e julgo que a mulher actual também é uma mulher com menos preconceitos, por ser mais informada, pelos próprios valores da nossa educação também passaram por uma maior comunicação com os nossos pais, amigos....Considero-me uma mulher forte, como tantos outros exemplos de mulheres portuguesas que lutam de coração por aquilo que mais gostam de fazer.

Já te despiste várias vezes para a capa das mais variadas revistas masculinas, Essas capas são sempre números esgotados. O que pensas do facto de existirem tantos homens - e certamente algumas mulheres - a quererem ver-te nua?

Vejo isso de uma forma natural. Repara: uma coisa tem que ver com o ser humano, é a atracção, é a curiosidade da figura pública, é o desejo e até a crítica que leva as pessoas a procurarem as revistas masculinas...(pausa). O mais curioso é que normalmente sou mais abordada pelas jovens e mulheres mais maduras para felicitarem e encorajarem no meu trabalho. Também acho que as pessoas têm muita curiosidade por todo o meu trajecto artístico, por ter começado a cantar muito pequenina, por quererem acompanhar tudo o que faço...

Esses trabalhos são pagos ou é para ti pura promoção e prazer?

(risos) Faço com muito prazer, tenho promoção e sou paga! Ao contrário do que já foi escrito, jamais me despiria para " Playboy" sem ter cachet...independentemente de isso ser um sonho...E que fique esclarecido: foi a " Playboy" que nos contactou. Agora de valores não falo: o contracto é sigiloso...Se tinha esse desejo de fazer uma capa da " Playboy "? Tinha. Mesmo antes da revista estar em Portugal já o tinha afirmado...mas isso não exclui cahet!

Tens uma imagem tão estudada, tão profissionalmente cuidada que às vezes não temos a certeza se existe uma "Ana Mulher Comum" que leva a filha à escola, cozinha para a família, vai à mercearia...Existe?

(gargalhada) Existe, claro que existe! Assim como existem médicos, juízes, bancários que na sua hora de trabalho têm que vestir a bata, o fato, a gravata...mas antes e depois são pessoas comuns! Acordo bem cedo para cuidar da minha filhota, sinceramente não tenho muito jeito para cozinhar mas tenho a sorte de ter um marido que adora! Vou ao supermercado...tento gerir da melhor forma a minha vida profissional e pessoal...

E essa Ana sai á rua "de cara lavada"?

Claro que sim! E acho engraçado quando as pessoas me vêem assim, num restaurante, no supermercado, no meu dia-a-dia e dizem-me " mas você ainda é mais bonita ao vivo do que na televisão"!!! Acho isso o máximo porque ficam admiradas com a simplicidade...com o facto de me verem de outra maneira.

A tua filha é espertíssima, muito bonita e excelente aluna. É fácil ou díficil ser filha da Ana Malhoa? Como achas que a Índia lida com a tua exposição pública e com as tuas ausências profissionais?

A Índia é realmente uma menina esperta e sociável, acho que até nisso sou abençoada e protegida...(pausa) Fácil não é...mas também não é difícil! Sempre a eduquei com base na realidade de toda a minha vida, nunca escondi nada à minha filha. Existe muita comunicação entre nós e ela tem tido um papel muito importante até na minha vida profissional, porque compreende as minhas ausências, encara tudo com muita maturidade.

Todas as mulheres portuguesas gostariam de ter um marido como o teu. Um verdadeiro companheiro! Ele, além de te apoiar em todos os actos que promovam a tua actividade profissional, ajuda-te todos os dias a cumprir o teu sonho...cantar e encantar...Tens consciência da sorte que tens, mulher?

Tenho consciência...tal como tu dizes, ele é "o verdadeiro companheiro"! É muito especial....(emocionada) gostaria eu que todas as mulheres tivessem uma pessoa a seu lado que as ajudasse a realizar os seus objectivos. Tem sido um impulsionador da minha carreira. É muito organizado e trabalhador, ciente dos seus objectivos...mais reservado que eu, mas extremamente criativo. O resto não vale a pena dizer...eu digo-lhe depois (gargalhada)

Nunca te vi queixosa ou com lamentações de excesso de trabalho. Nunca. Parece que quanto mais atarefada andas mais feliz te encontro...

É a verdade, Já me conheces e sabes que não gosto de me enaltecer e custa-me um pouco falar do que sou, mas se há coisa que eu gosto é de trabalhar. A minha paixão pela minha profissão é gigantesca. Quero estar sempre a trabalhar...shows, produção de um CD, do visual, as sucessivas promoções dos "álbuns", sessões fotográficas...Sou muito feliz e odeio aqueles discursos lamenchas das "coitadinhas"...O reconhecimento e carinho do meu público tem sido energético e muito reconfortante.

Ana, o céu é o limite e eu sei que não vais deixar de batalhar por uma carreira internacional. Como anda essa "guerra"?

Esse é o meu objectivo. Acredito muito em mim, no meu trabalho e quando apostam em mim, dou tudo por tudo. Tenho estado a trabalhar nos Estados Unidos nesse projecto e espero que se realize em breve.

Rezas? Com quem falas?

Acredito muito em Deus e tenho a minha filosofia de vida. Gosto de meditar sobre o meu dia e os meus objectivos e tenho a minha mãe sempre comigo....(muito comovida). Agora fizeste-me chorar, tonta....
In 24 horas, de 23 de Setembro de 2009

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Ana Malhoa numa versão mais Rock

Depois do sucesso que o tema Sinto-me Sexy teve durante este Verão, Ana Malhoa vai mais além e grava uma nova versão do tema. O Beat esteve em estúdio e mostramos-te em exclusivo as imagens

Ana Malhoa ao vivo

Festas de Garvão



Show realizado em Garvão no dia 29 de Agosto.
Durante o show, Ana teve a companhia da sua filha Índia.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

It's Power Rock!!!


Very power rock !
I enjoyed it !
Ana, you rock me in!!!

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Ontem, hoje e amanhã

Desde sempre Ana Malhoa se preocupou com o Planeta e isso reflecte-se nas suas músicas.
Já em pequena cantava "O amanhã melhor", a seguir veio : "Se um dia fosse rica", "Amen" , "Se eu tivesse uma vassoura", e os mais recentes são : "Vencer sem armas" e "Triumph without weapons".


Título: Triumph without weapons
Álbum: Atlanticos feat Ana Malhoa
Ano: 2006


No matter what you´re look like
No matter where you from
We´re fighting without weapons
We fight for nothing but love
That weapons rule the hole world
And mother nature too
That people die of hunger
Must make the world revolt through you


Refr.: There´s no time to lose
now it´s time to start it
we can´t close our eyes to
all the distress all around us


To Triumph without weapons
That´s what I have on mind
I can see the way we´ll go
From arms and guns to bread and peace
They make you kill yourself
To kill innocent life
They won´t tell you the truth
Cause the truth´s too hard to stand


Refr.: There´s no time...

Now let us stand unique
We put down our weapons
we´ll all stand up for peace
Show them we all stand as one
That will fight poverty
Egoism war and crying
Fanatism has to leave
Peace will win
and we´ll be free

Letra e Musica : Luis Filipe Batista / ANA MALHOA Feat. ATLANTICOS

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Oeste TV - 2007

Para quem não viu a entrevista realizada pela Oeste TV em 2007, aqui fica o video, ora vejam:



Ana Malhoa no Bombarral

Ritmo latino, dança e muita garra foram os ingredientes do espectáculo de Ana Malhoa no Bombarral, no dia 17 de Julho de 2007. A cantora animou uma das noites do Festival do Vinho Português com o seu novo álbum "Nada me pára".

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Fiona dá segunda nega à Ana!

"Na Moda com Fiona" do suplemento de sábado do Correio da Manhã, Vidas, a manequim coloca mais uma vez a Ana Malhoa no lado negativo.

Fevereiro 2009


Setembro 2009

Senhora Dona Fiona não se sente dor no cotovelo?

domingo, 6 de setembro de 2009

José e Ana Malhoa - Merengue, Mexe Mexe

Actuação de José e Ana Malhoa no programa apresentado pelo Herman José, "Parabêns", no ano de 1993.
Como podemos ver naquela altura, Ana tinha 14 anos, vejamos o vídeo.



Título: Merengue, mexe mexe
Álbum: Dois corações
Ano: 1993

mexe mexe
dança dança
mexe mexe
mexe mexe ai ai
dança dança ai ai
mexe mexe

Ana: chega pra cà
José: chega pra cà
Ana: mexe comigo
José: mexe comigo
Ana: vou-te ensinar
José: vou-te ensinar
Ana: faz o que eu digo
José: faz o que eu digo
Juntos:o merengue tens que dançar assim
e por isso olha là para mim
1 2 3 e
mexe mexe ai ai
dança dança ai ai
mexe mexe ai ai
o merengue é demais
mexe mexe ai ai
dança dança ai ai
mexe mexe ai ai
o merengue é demais

Ana: chega pra cà
José: chega pra cà
Ana: dà mais um passo
José: dà mais um passo
Ana: vem rebolar
José: vem rebolar
Ana: faz o que eu faço
José: faz o que eu faço
Juntos:està na hora do merengue dançar
e por isso vamos là começar
1 2 3 e
mexe mexe ai ai
dança dança ai ai
mexe mexe ai ai
o merengue é demais
mexe mexe ai ai
dança dança ai ai
mexe mexe ai ai
o merengue é demais

Và là minha gente é à vossa vez, quero ouvir essas palmas !
Ai este merengue !

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Queremos a Ana Malhoa na Eurovisão em 2010!

Há 45 anos que Portugal participa no Festival Eurovisão da Canção, e a melhor classificação até hoje obtida foi um sexto lugar em 1996!

Já fomos alvo de tremendas injustiças, veja-se o exemplo concreto de Vânia Fernandes, Simone de Oliveira, e tantos outros...

Mas o que interessa é o presente e o futuro!

Podemos constatar que o que pode ajudar a ganhar é a actuação em palco, letra em inglês, uma boa voz, e um animal de palco.

Há algumas pessoas que actualmente em Portugal podem atender a essas características (Luciana Abreu, Vânia Fernandes, Vanessa Marques, etc...), mas quem queremos na Noruega em 2010 a representar Portugal é ANA MALHOA!

Ana Malhoa é actualmente a melhor pessoa que pode representar Portugal na Eurovisão e conseguir um muito bom resultado, quem sabe, a vitória!

Ana, faz este favor aos eurofãs, porque contigo, vamos conseguir!

A petição será apresentada a Jorge Silva, agente da artista.




Fonte: www.gopetition.com/online/27826.html?utm_medium=RSS

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Ana Malhoa dá entrevista ao oikotimes.com



Queremos ver a nossa Diva no "Eurovision Song Contest 2010" na Noruega!

Ana Malhoa deu uma entrevista exclusiva ao oikotimes.com no Verão 2008

Apesar de estar ocupada com turnê agitada, com mais de 50 concertos neste verão, a pop-star fala sobre sua carreira, seu último álbum e, claro, sobre Eurovision Song Contest.
"É um enorme TV e produção no mundo inteiro e seria também uma honra representar o meu país", disse a cantora.

Tem certamente um estilo único em Portugal. Fiquei intrigado quando eu fiz uma espécie de "câmara lenta" com todos os seus 20 albuns e perceber que você muda muito o tipo de música que você executa.
Actualmente, eu prefiro fazer músicas pop-rock. Eu comecei a cantar quando eu tinha 3 / 4 anos ... Eu canto há 22 anos, as minha musicas e as minhas canções acompanham a minha maneira de viver e os meus gostos. Este é o momento ideal para começar a executar pop / rock songs, mas no meu mais recente álbum, as guitarras também estavam lá. LOL

Disse numa entrevista recente que você é fã de Madonna e Pink.
Artistas Irreverentes?

Well, it's just weird. Quer dizer, eu sou obcecada com a forma como elas podem situarem-se na linha de ser inocente e sexy, tudo em um. Ambas são bonitas, sabem exactamente o que estão a fazer, sabe? Para mim, vejo muito de mim assim.
I am still sweet and a girl-next-door. I think that I straddle the line a little bit because I know that I also am a bit of a tiger

Então, como você caracterizaria sua carreira actualmente?
Agora me sinto mais cantora de pop rock, mas sem nunca esquecer as minhas músicas latinas. Eu só quero trazer para a ribalta com o lado selvagem das minhas canções e, porque não, em mim.

O mais recente álbum - "Exótica" - foi lançado em Junho. Como é que seus fãs reagem com músicas novas?
Maravilhoso! Fantástico! O público reage de forma muito positiva.
Quando eu canto as últimas canções são realmente movidos.
Mas algumas das mais antigas ... show após show, nunca fica velha!

Em seu mais recente álbum que inclui um cover de "Gimme More" de Britney Spears. Algum motivo especial para esta música em Inglês?
Alguns anos atrás, fiz também um cover de Madonna, "Like a Prayer" e as reacções do público era grande! Então, como eu adoro a música "Gimme more", eu e minha equipa decidimos fazer um cover mais "rocky".

Já pensaram em um álbum exclusivamente em Inglês e em uma carreira internacional?
Tenho algumas plantas no exterior e alguns projetos em andamento ... mas eu prefiro não falar sobre isso ainda, pois nada está fechado, mas a ser trabalhado.

Nas comunidades portuguesas no estrangeiro, normalmente fazem um sucesso enorme ...
Sim, na verdade,os meus shows no exterior estão sempre cheias de pessoas! Na última, em Junho passado na Alemanha, fiquei surpresa, porque havia muitos locais, povo alemão, e não apenas portugueses que vieram para ver meu show. Logo, tenho planos de ir para outros países, como Austrália, África do Sul, E.U.A. e Canadá.

Será que pensa sobre Eurovision Song Contest como forma de internacionalizar sua carreira?
Bem, há algum tempo atrás, estava eu a procurar algum material na internet, quando encontrei alguns artigos sobre Eurovision Song Contest.
Fiquei surpresa quando percebi que muitos e muitos fãs gostariam de ver-me no Eurovision!

Na verdade, o seu nome aparece com frequência entre os fãs, quando eles falam sobre as possibilidades de representar Portugal neste concurso ...
Estou muito contente com isso! Eurovision Song Contest é uma enorme produção televisiva no mundo inteiro e seria também uma honra representar o meu país. Deve ser óptimo para executar uma canção bilingue. É importante cantar directamente para o nosso país, mas também para os europeus que assistir ao show e deve entender a mensagem.

ANA MALHOA EM POUCAS PALAVRAS

A música é ... minha vida!
Dança é ... minha paixão!
Meu ídolo é ... Oh tantos ... falando sobre a cena musical, Madonna e Pink
Europa é ... um objectivo
Eurovisão é ... uma produção de boa música
Estou Exôtica quando ... sempre! LOL
Meu passatempo favorito é ... brincar com minha filha e fazer o que as pessoas normais fazem sempre.
Uma mensagem para os fãs: Obrigado por todo o apoio! Vejo-vos em breve nos meus shows! Eu prometo a mesma dedicação e amor em todos os projectos.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Skewer- Bring Me Here (feat. Ana Malhoa)


Título: Bring me here
Álbum: Time Patience and Hopes
Ano: 2009

This is your point of view
But it..s no excuse
Maybe you want to screw
You leave me confuse
I dont have a cent
Who can pay my rent
you dont see my pain
Im confuse again
Bring me here, bring me here
You hates me for nothing

Lyric and song: Valério Paula




sábado, 22 de agosto de 2009

Entrevista com Skewer



Entrevista com Skewer

Neste trabalho verifica-se o recurso a diversos convidados. Era vossa intenção desde o inicio socorrerem-se de elementos exteriores aos Skewer ou, pelo contrário, o desenrolar dos temas pediram a inclusão de convidados?
Fizemos os temas mais achamos que alguns deveriam ter convidados. Era para ter tido 4 artistas, mas nem tudo corre como queremos, ficou reduzido a 2 que foram os melhores que podiam aparecer; são artistas de grande reconhecimento de público e media, como o caso de Sam Forest dos Nine Black Alps e da Ana Malhoa já consagrada pelo sua história na música. O que mais me impressionou foi a simplicidade e a humildade desses artistas. Sabiam que a gente não lhes poderia dar muito em questão de além fronteiras, mas mesmo assim deram uma grande contribuição e esforço da parte deles.

Dentro do grupo de convidados, o mais improvável será mesmo a Ana Malhoa. Como chegaram ao contacto com ela e como é que ela se adaptou a cantar rock em inglês?
A Ana é uma pessoa super acessível, desde o primeiro email foi sempre uma pessoa espectacular, tem uma agenda bastante preenchida, estava a preparar a promoção do álbum dela e mesma assim arranjou tempo, trabalhou no tema e foi ao estúdio connosco. A cena do inglês tanto para ela como nós portugueses ou brasileiros, pois em Skewer há um brasileiro, não é a nossa língua mãe; porém todos conseguimos adaptar-nos a ela e a Ana Malhoa já havia passado por experiência parecida, quando interpretou um tema de uma banda Alemã, que também canta também em inglês.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Citações



«Sou o fruto proibido para os homens»
Correio da manhã 19 de Maio 2009


«Se alguém disser que a Luciana Abreu tem semelhança comigo, então é plágio»
Correio da manhã 5 de Agosto 2008


«Se não fosse cantora seria astronauta.»

«Aos três anos já insistia com o meu pai para cantar. Telefonava inclusive para o dono da editora dele, a CBS, hoje Sony, e pedia-lhe imenso para gravar um disco. Dizia-lhe: “Por favor, eu quero ser cantora”.»
Correio da manhã 1 de Maio 2007


«Sempre me achei sensual»
Revista ANA, 9 de Agosto 2006

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Cereja Glamorosa

Mais uma entrevista da revista "Boa Estrela" do mês de Agosto 2009.



O vermelho da paixão, a suavidade do vento quente, a textura do veludo, determinam o glamour da nova Ana Malhoa.
Ser "Sexy" é um estado de espírito, um explosão neste álbum quente para ouvir nas quatro estações do ano.

Cereja Glamorosa

Os momentos zen são fruto do seu isolamento e da elevação da sua sensibilidade como mulher.Caminha a passos largos para a concretização pessoal, num trilho longo de sucesso, orgulho e amor-próprio:como ela,sinta-se«Sexy»!

Boa Estrela:Uma nova etapa,explosiva. Não pares de surpreender os teus fãs...Como foi desenvolver o «Sexy»?

Ana Malhoa:Foi uma fase muito boa,estávamos em estúdio e sentia que ia ser um álbum extremamente comercial e dançável.Depois quando comecei a pensar no visual entusiasmei-me bastante,porque queria usar padrões e cores fortes;de seguida veio o vídeo,a promoção e agora os concertos que já começaram e estão a ter multidões.Obrigada a todos.

Consideras este álbum quente como o Verão ou como uma lareira no inverno?
Considero um álbum que podes ouvir nas quatro estações. . . e sempre que quiseres.

«Sinto-me sexy» todos os dias? Quantas horas são necessárias para te produzires?
Depende da produção e do do dia:se for um dia em que vista só jeans e t-shirt não demoro mais que uma hora... Lol! ! !

Na Playboy vemos uma Ana despida de preconceitos. O que te levou a fazer esta sessão fotográfica?
A minha vontade de fazer esta revista chegou porque é mais famosa do mundo e trata a beleza feminina de uma forma diferente...com muito glamour.

Conseguimos ver todas as tuas tatuagens? Qual é a tua favorita?
Todas elas são as minhas favoritas,caso contrário não estariam no meu corpo.

Têm algum significado místico?
Têm significado sim,são páginas da minha vida...místico?Também.

És muito ousada também em termos de vestuário. Já pensaste em usar roupas recicláveis nos espectáculos?
De facto não,não,mas pode ser uma ideia...

A intuição ajuda-te a apurar algumas verdades escondidas?
Já me guiei pela intuição e não me dei nada mal...

Qual o sonho mais surreal que tiveste? Seria um bom filme?
Não gosto de contar os meus sonhos...mas seriam um bom filme,sim.

Quais são os teus piores pesadelos?
Gente cínica.

Os elementos fazem parte do nosso mundo (ar, terra,terra e água). Tiveste um encontro com «Anjo de Fogo» ou é uma personificação?
É uma personificação, mas não me importava nada de ter esse encontro com o meu «anjo de fogo».

Qual é o elemento com que mais te indentificas? Porquê?
Fogo, porque é o elemento do meu signo.

Se tivesses poderes de vidente, como seria o teu futuro daqui a 15 anos?
Estrela internacional de música pop,e gostava de poder ajudar crianças desfavorecidas em todo o mundo.

Preferes «5minutos» ou a eternidade?
Depende da situação...mas que o amor seja eterno.

Se fosses um fruto excluindo o «o fruto proibido», qual serias?
Cereja, porque adoro cerejas;são pequenas ,doces e sensuais.

Quantas palavras são necessárias para escrever uma música?
Todas as que forem necessárias para poder passar a mensagem que quero transmitir.

Os momentos Zen são vividos em que ambiente?
Em casa, num cantinho só meu.

Identificas-te com«Borboletas»?
Sim,representa para mim a metamorfose como também a liberdade, e como gosto de me reinventar é como se estivesse sempre a nascer de novo, e adoro sentir-me livre.

Consideras que tens sucesso pala tua imagem? A progressão tem sido uma roseira ou um campo de margaridas?
Não.Considero que tenho tenho sucesso por uma união entre música,imagem e muita vontade de trabalhar.Tudo na vida tem os seus obstáculos mas «nos cardos há flores, e os espinhos estão cobertos de rosas»!

Algumas vozes criticam o teu desaparecimento relativamente aos mais pequenos. Sentes que decepcionaste alguns fãs?
Quem diz isso desconhece por completo a minha carreira.Basta irem a um concerto meu para verem e desfrutarem da alegria das crianças que lá estão!

Imagina-te numa ilha deserta ...Quem seria o teu público?
Todos os seres que existissem naquela ilha...uma palmeira,um peixe,um golfinho...Quero chegar a todos,sem excepções!

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Sic ao vivo

Ana esteve presente nesta manhã na "Sic ao vivo".
"Sinto-me sexy" foi a música de abertura do programa e fechou com "Devora me com beijos".
Veja algumas imagens.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Música da semana 33



Título: Nada me pára
Álbum: Nada me pára
Ano: 2007
Dá-me a tua boca, quero dar te um beijo
Sabes que estou louca de amor e desejo
Vai mordendo os lábios eu não te domino
Vais sentir o gosto do sangue latino
Sangue vermelho e quente
Seiva do meu amor
Refrão:
Nada me pára e eu tenho o destino
A força e raça do sangue latino
Nada me pára no meu coração
Corre meu sangue latino e paixão
Caio nos teus braços sempre que me chamas
Morro de saudades se tu não me amas
Vem beijar meu rosto marca o meu destino
Vais sentir o gosto do sangue latino
Sangue vermelho e quente
Seiva do meu amor

domingo, 16 de agosto de 2009

Tour 2009



Ana Malhoa encontra-se neste momento em tour de Verão, de norte a sul de Portugal.
Sensualidade é o que não falta nos seus espectáculos.
Como podemos ver neste vídeo, é acompanhada por três dançarinos, Débora Gonçalves, Pilar e Victor Casanova, e também por um percussionista, Luís Henriques.
Nos palcos, Ana canta e dança maravilhosamente, podemos concluir que é uma fera, para uns sim e para outros não, mas a verdade é que ninguém fica indiferente a Ana Malhoa.
Vejamos o seguinte alinhamento que a cantora realiza nesta tour.



Borboletas
Nada me pára
Nada é proibído
Começar no A
Já não sei o que sinto
5minutos
Beija-me mais uma vez
Banho de lua
Nobre Coração
Faça chuva, faça sol
Sinto-me sexy
Anjo de fogo
Eu sou latina
Beija o que tu gostas
Devora-me com beijos
Lo que paso, paso
Teu corpo ardente
Vem dançar (junto de mim)
Se Deus me ajudar
Tu podes vencer

sábado, 15 de agosto de 2009

Montargil entrevista Ana Malhoa

Tendo conhecimento que a cabeça de cartaz das festas populares de Montargil deste ano era a cantora ANA MALHOA de imediato entrei em contacto com ela a fim de me conceder uma entrevista, entrevista essa que foi realizada no dia em que a mesma actuou aqui em Montargil. E o resultado foi este:

Sempre foi o teu sonho ser cantora?

Sim. Sempre tive o sonho de ser cantora, desde muito pequenina que todas as minhas brincadeiras estavam relacionadas com música, e aos 6 anos consegui concretizar o meu sonho, as coisas continuaram da melhor maneira e consegui concretizar os meus objectivos.

Com quantos anos já conta a tua carreira profissional?

São já 23 anos de carreira.

É difícil ser-se cantor no nosso país?

Não, não é difícil.

Mas por vezes ouvimos os teus colegas a queixarem-se…

Eu não tenho razão de queixa, talvez pela vontade que tenho e pelo profissionalismo que não só eu, mas toda a equipa que me acompanha. E isso transmite-se em todos em todos os espectáculos, em cada trabalho que se faz, o respeito que sentimos pelo público e se calhar é dessa forma que as pessoas também me encaram e acabam por respeitar e eu não tenha tanto esses problemas. Eu não me posso queixar, antes pelo contrário, só tenho a agradecer ao público que tanto me tem acompanhado e apoiado durante toda a minha carreira.

O que é que fazes no Inverno, visto não haver tantos espectáculos, aproveitas para gravar novos álbuns?

Nem só, no Inverno tenho muitos espectáculos nas comunidades portuguesas, onde sou muito bem recebida.

Fala-me do teu mais recente álbum, o que podemos encontrar neste álbum?

Olha o sexy é um trabalho com 13 temas, é um bocado a mistura de todos os estilos musicais por onde eu já passei, desde o pop rock, o latino, o reggaeton e o dance. É um trabalho muito mais dance electrónica e é essa evolução toda que o faz sexy, é um trabalho de Verão, um trabalho muito comercial, é um trabalho que está a ser muito bem aceite pelo público, não só a música principal, mas todas as músicas pelo qual o álbum é composto e agradeço ao público por isso.

Se um jovem que sonha ser cantor te questionar sobre esta profissão aconselha-la como uma boa profissão?

Claro que sim, não devemos temer os nossos sonhos e aquilo que queremos ser, à que correr atrás dos sonhos!

Como é que te surgiu o convite da playboy para posar nua?

Convidaram-me e reunimos todas as condições para fazer a produção, correu bem, foi da forma que eu quis e como realmente me apeteceu fazer e rodeei-me de excelentes profissionais que a playboy tem para o fazer, foi com o máximo de respeito, com muito glamour, com muito requinte, adorei o trabalho e o resultado foi magnífico.
Aceitas-te de imediato? Como é que a tua família reagiu?

Não, não aceitei de imediato, porque tinha algumas coisas a pensar, mas a família está sempre de acordo e a apoiar-me em tudo aquilo que eu disser sim.

Qual o valor que recebeste para pousar?

Desculpa mas isso não comento, mas posso dizer que não foi o valor que me fez aceitar.

Como vês a imagem da playboy no mundo?

A playboy é simplesmente a revista mais famosa do mundo, há muita gente que ainda tem alguns preconceitos em relação á revista, mas a revista trata da forma mais requintada e com muita sensibilidade o lado mais feminino da mulher, por tanto eu acho que é uma revista eleição.

Já por diversas vezes ouvi mulheres criticarem a forma como te apresentas em palco, será porquê, não gostam da forma como te apresentas em público e do facto de teres pousado nua, será inveja?

Elas gostam, eu acho que não, a mulher está cada vez mais actual, e isso eu tenho-o sentido durante este tempo a que já saiu a revista, em que as mulheres me têm felicitado muito. A mulher portuguesa está muito diferente, tem evoluído muito.

Como se pode ver tens o corpo com algumas tatuagens, qual o significado da tatuagem para ti? Consideras que o corpo com tatuagens fica mais bonito?

Não é uma questão de beleza, é uma questão de sentimentos e isso não o posso negar, é uma situação que eu faço, é a história da minha vida que está marcada no meu corpo porque eu o assim quero. Não o faço por moda, não o faço porque o vizinho do lado tem, não o faço para dizer que tenho mais que os outros, faço-o porque gosto e porque quero estar assim.

Já tinhas estado em Montargil e o que achaste?

Sim, é uma terra muito bonita onde se passam momentos fantásticos.

O que achas-te do público Montargilênse?

Muito bom, fantástico, fenomenal, foi brutal, Montargil está de parabéns porque tem um público excelente, não tenho palavras, muito, muito obrigado!

OBRIGADO ANA E JORGE PELA COLABORAÇÃO.
ANA CONTINUA ASSIM POIS FIZES-TE UM EXCELENTE ESPECTÁCULO, PARABENS!
ATÉ BREVE...


Entrevista realizada por Montargil, Junho 2009

Montargil fica situada na margem direita da ribeira de Sôr, pertence ao Concelho de Ponte de Sôr e distrito de Portalegre.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Entrevista (MaisPortugal)

O MaisPortugal acompanhou um concerto da cantora de "Sexy".


quinta-feira, 13 de agosto de 2009

MAJESTÁTICA



Ana Malhoa foi transformada por Manuel Dias Coelho e Ricardo Preto, numa verdadeira diva dos anos 60, para uma produção da nova edição da revista feminina Máxima.

É buéréré de atrevida.
É a dominatriz que veste um fato de leopardo cor-de-rosa.
É a cantora de corpo tatuado, implantes mamários, músculos esculpidos no ginásio.
É a mulher que faz beicinho e se rebola ao som de Sinto-me sexy.
Alguma dúvida?
Erotismo é a palavra exacta para falar de Ana Malhoa.
Já era assim antes de ter posado nua para a Playboy.
A música combina; é caliente,latina. solar.
"Não existe uma figura pública e outra privada. Sou a mesma.
Talvez seja no dia-a-dia um pouco menos extravagante na forma de vestir"
What you see is what you get.
Aos 6 anos, Ana Malhoa já sabia que queria ser cantora.
"Gosto de recordar o sonho de uma menina que dizia ao pai que um dia viveria em Miami e seria cantora internacional. Estou cada vez mais perto da concretização desse sonho"
Fez espectáculos com o pai e a solo, apresentou programas de televisão, transformou-se num fenómeno.
Os seus espaços na Internet registam milhares de entradas.
Na capa do primeiro disco é uma criança morena com uma fita sobre a testa.
Mantém-se morena.

In Máxima

Texto de Anabela Mota Ribeiro
Fotografia de Carlos Ramos
Styling de Ricardo Preto
Concepção de Manuel Dias Coelho e Ricardo Preto

Já nas bancas!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

“Quero muito gritar ao mundo que sou portuguesa”


Sinto-me abençoada por ter o apoio dos emigrantes”. É assim que Ana Malhoa explica a relação especial que tem com os portugueses que vivem fora do seu país natal. Em entrevista ao O Emigrante/ Mundo Português, a cantora fala-nos do seu novo trabalho e revela um carinho muito grande pelos emigrantes portugueses. Ana Malhoa recorda ainda o seu passado quando cantava com o seu pai e revela que gostava de construir uma carreira internacional para gritar ao mundo que é portuguesa.

Começaste muito cedo. Ainda te lembras do teu primeiro concerto?
Comecei com 6 anos, num espectáculo no Teatro Luísa Todi em Setúbal. Desde os meus 3/4 anos que queria cantar e chateava o meu pai e todas as pessoas envolvidas no seu meio profissional para o facto de eu querer cantar, gravar, fazer espectáculos... enfim ser uma profissional da música. Pois toda essa vontade já valeu até agora 22 anos de amor e paixão pela música, pelos palcos.

Hoje tens uma carreira individual sólida. Mas costumas recordar com saudade a fase em que actuavas com o teu pai José Malhoa?
Claro que sim, por isso mesmo fiz questão de o ter como convidado especial no meu novo cd «Exótica», que já está disponível, com um tema muito sentimental e que retrata bem a nossa vida dentro e fora dos palcos.
Gostavas de voltar a trabalhar na televisão? Em que estilo de programa?
Sim, gostava de voltar a trabalhar na televisão. As pessoas sabem que não é a minha prioridade, pois a música está sempre em primeiro lugar, mas considero a televisão uma grande paixão. Os programas jovens, com temas da actualidade, muita diversão e música, são a minha cara!

Como defines a tua música?
Estou com uma sonoridade mais pop-rock do que nunca. Não esqueci o latina, apenas fiz questão de querer sobressair o lado mais selvagem da música, pois o lado mais suave é realmente abordado através da mensagem de cada tema, como somos um povo latino, quente.
É óbvio que o amor é transmitido não só pela letra mas principalmente pela melodia.

Já lançaste quase 20 álbuns. Apesar de seres nova já te sentes uma espécie de “veterana” da música portuguesa?
Não, apenas quero continuar a fazer com muita paixão a minha carreira, pois trabalho todos os dias para evoluir, actualizar, a minha vida artística, porque sei que o público assim exige e não quero deixar de o fazer da melhor maneira, com muito profissionalismo e muito respeito.

Achas que o mercado português é justo para os seus cantores?
Não posso queixar-me de algo que não sinto, o meu público é o meu mercado, e o meu mercado tem sido justo. Por isso costumo dizer obrigada ao meu público, porque sem eles não podia ser cantora, ou artista como muita gente chama.

Tens várias músicas cantadas em inglês. Nunca pensaste lançar um álbum só em inglês?
Uma das minhas ambições é fazer o crossover. Quero imenso fazer carreira no estrangeiro, mas de forma alguma pensaria deixar de lado totalmente o português. Estou a trabalhar para isso, quero muito gritar ao mundo que sou portuguesa!

Fala-nos do teu novo álbum «Exótica»...
«Éxotica» representa para mim esse lado tão selvagem e ao mesmo tempo tão sentimental, que se aplica à música e à sonoridade que estou a seguir.
Ao longo destes 10 temas existe uma fusão de sentimentos que transmitem a liberdade, a paixão, o amor, e sei que as pessoas têm adorado este CD. Já está a ser um sucesso de vendas e acredito que vai ser o êxito de 2008. Tenho recebido imensos elogios ao trabalho, as pessoas identificam-se com os temas... Mas o melhor é mesmo ouvir... oiçam e digam qualquer coisa.

Ficas ansiosa quando lanças um novo trabalho?Neste cd não fiquei ansiosa, fiquei... ”exótica”!!! (risos)

Costumas actuar para os portugueses lá fora. Qual é a sensação?
Sentes que os nossos emigrantes têm um grande carinho por ti e por Portugal?
Sinto que os portugueses têm sido muito importantes na minha carreira, são eles que tem divulgado a minha música pelo mundo inteiro, que me acompanharam desde pequena a cantar.
Sinto por eles um enorme respeito, por tudo aquilo que me fazem sentir cada vez que os visito, seja na Europa, seja nos Estados Unidos, no Canadá, na Austrália, na África do Sul ou na América do Sul.
Sinto-me abençoada por ter o apoio dos emigrantes!

Há algum país onde ainda não tenhas actuado e gostasses de o fazer?
Gostava imenso de cantar no Japão, China e Macau. Sei que a nossa comunidade é grande também nesses países, por isso gostava imenso de ter essa oportunidade. Assim como voltar a cantar na Venezuela, já que apenas os visitei uma vez e já foi há muito tempo.
Austrália será para muito breve, assim como África do Sul. A Europa já esta a ser agendada, assim como os Estados Unidos e Canadá para este ano ainda.

Colaboraste com os Atlânticos, banda portuguesa na Alemanha, na música “Vencer sem armas”. Como foi essa experiência?
Foi fantástico ter conhecido os Atlânticos, são muito profissionais e além disso o seu lado humano é ainda maior, razões pelas quais eu aceitei o convite.
Temos mantido a nossa relação de amizade, e julgo que num futuro próximo possamos trabalhar mais vezes. Merecem ainda muito mais do nosso público, aconselho a conhecer o trabalho deles, são realmente um diamante português.

Como olhas para as bandas portuguesas no estrangeiro? Achas que é uma boa maneira de divulgar Portugal e a língua portuguesa?
Claro que sim. Pena é que não existam mais apoios e formas de divulgar muito mais essas bandas, a nossa língua, país e cultura. Porque não temos vergonha de sermos portugueses. Os emigrantes são o topo da sociedade, são eles que fazem a imagem de Portugal a nível mundial. Por isso eles é que são a verdadeira elite portuguesa.

Sei que tens uma vida atarefada mas o que fazes nos tempos livres?
Relaxar e estar com a família. Tento equilibrar a minha vida ao máximo, mesmo ocupada tento que tudo seja o mais normal possível, o que muitas vezes não é possível. Por isso é o que custa mais, estar longe da família, abdicar de algumas coisas que adorava fazer como ir a praia, cinema, etc. Mas escolhi a música. Dá-me muito prazer, e só posso agradecer a todos a possibilidade, a oportunidade que me deram de realizar o meu sonho, e que jamais quero deixar. Viverei sempre com a muúsica, os palcos, público e o êxito, porque tenho os meus fans para respeitar e trabalhar muitíssimo!!!

As tatuagens são uma paixão? Todas têm um significado especial?
Sim, são uma paixão. Não as faço por moda, faço porque são a minha vida e tatuagem para mim é arte.



Fonte: Mundo Português 2008

Ana Malhoa: Uma diva dos anos 60

Ana Malhoa deixou de lado o tigresse, por alguns momentos, e transformou-se numa diva dos anos 60. Uma produção fotográfica da revista Máxima que já chegou às bancas portuguesas!

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Super Buéréré


O "Super Buéréré" estreou em Abril de 1996 na SIC e durou cerca de 3 anos.
O programa passava aos sábados e domingos de manhã e foi criado pelo brasileiro Ediberto Lima.

A ideia do programa foi baseada nos programas infantis brasileiros, nomeadamente o "Xou da Xuxa". Produzido pela Ediberto lima Produções, foi apresentado pela cantora Ana Malhoa.

A Ana já era conhecida do público infantil, tendo vários discos editados desde 1986.

O programa tinha várias personagens, como a Melzinho, o Sapo Filipe, o Boi Ré-ré, a Vaca Ré-ré, o Príncipe, as Anetes e as Mini anetes.

A música tinha uma forte componete no programa e foram editados 4 discos com as músicas do Super Buéréré.

Ao longo do tempo surgiram vários espaços, como por exemplo os truques de magia do Damião e da Helena, "Eureka", "Jogo do 24", entre outros.

Havia ainda o correio que era lido pela Ana e eram mostrados os desenhos e as fotos enviadas pelos miúdos.

Em cada programa haviam convidados, sobretudo musicais.

Passaram várias séries pelo "Super Buéréré", como os "Power Rangers", "Navegante da lua", "Arrepios", "Homem Aranha", a "Janela de Allegra", "Pokémon" entre outros.

Pouco tempo depois do programa estrear, passou a ter um espaço de Segunda a Sexta-Feira, onde a Ana e o Boi Ré-ré e mais tarde também a Vaca-Ré-ré, apresentavam os desenhos animados da semana e passatempos.

O último programa foi para o ar a 27 de Dezembro de 1998.




Ana Malhoa



Boi Ré-Ré e Vaca Ré-Ré
Voz-Paulito e Ana Luís

Melzinho
Olga Simões


Croko


Anetes
Ana Sofia, Ana Cláudia, Ana Marta e Ana Liliana(Algumas das Anetes)


Mini-Anetes
Ana Lúcia, Cláudia, Ana Rita e Joana (Algumas das Mini Anetes)


Sapo Filipe


Discos do Programa



Super Buéréré
1996

A Turma do Big Buéréré
1996

Buéréré Super
1997


Super Rock Buéréré
1998






domingo, 9 de agosto de 2009

Música da semana 32



Título: Já não sei o que sinto
Álbum: Exótica
Ano: 2008

Já não sei ler os meus pensamentos
Nem entendo o que sinto em mim
Quantas vezes te quero longe
Chorando por ti
Quantas vezes eu quero acabar
Mas eu penso nas noites de amor
Mas eu sei que não há ninguém
Com o teu sabor
se vais embora eu fico perdida
Não sei que fazer
se estás comigo eu quero ser livre
Não sei esconder
Eu já não sei dizer que te amo
Não sei se te odeio
Eu já não sei viver contigo
Mais desilusões
Eu já não sei dizer que te adoro
Se não te aceito
Eu quero amar-te, mas eu não esqueço
As tuas traições
Eu já não sei...
...
Já não sei o que sinto cá dentro
Nem entendo o meu coração
Mas viver sem o teu amor
É solidão
se vais embora eu fico perdida
Não sei que fazer
se estás comigo eu quero ser livre
Não sei esconder
Eu já não sei dizer que te amo
Não sei se te odeio
Eu já não sei viver contigo
Mais desilusões
Eu já não sei dizer que te adoro
Se não te aceito
Eu quero amar-te, mas eu não esqueço
As tuas traições
...